Como a Cerveja Artesanal tornou-se Artesanal

craft_interno1

Em 1984, o colunista sobre cervejas do jornal americano Seattle Post, chamado Vince Cottone, foi o primeiro a usar o termo craft beer e craft brewery (cerveja artesanal e cervejaria artesanal, em tradução livre) da forma como utilizamos hoje. Os leitores entenderam o que ele quis dizer, mas o termo não foi incorporado ao vocabulário rapidamente. O jornal The New York Times, por exemplo, só veio a utilizá-lo em 1997, e de forma esporádica.

Existia apenas algumas cervejarias artesanais nessa época, mas, conforme centenas mais foram aparecendo, os termos se consolidaram. As vendas passaram de 72.000 barris em 1984 para mais de 20 milhões em 2014, e estima-se que o número de consumidores ultrapassa a marca de 45 milhões.

O termo craft beer é parte de dezenas de títulos de livros e revistas especializadas. Também é muito comum muitas cidades terem diversos festivais de cerveja artesanal. Muitas cervejarias incorporaram o termo em seus nomes. Os termos se espalharam para países como Inglaterra, Brasil, Japão, Argentina, Itália, Polônia, Alemanha e China e para mais outros três países desde que você iniciou a leitura desse parágrafo (rs).  A cervejaria belga centenária Palm Breweries alterou sua marca para Palm Belgian Craft Brewers. Em 2013, foi fundada a Global Association of Craft Beer Brewers (Associação Global de Produtores de Cervejas Artesanais), com seus próprios critérios para definir o que qualifica uma cervejaria como artesanal.

Hoje temos outros segmentos utilizando o termo craft, por exemplo craft whisky e craft gin. Vince escolheu o termo pois “parecia o que melhor se encaixava”. Ele não imaginava que a terminologia entraria tão profundamente na cultura cervejeira americana, e que o termo seria usado como estratégia de marketing. Alguns dizem ser a escolha perfeita, enquanto outros o consideram sem sentido. Rastrear a etimologia do termo revela, certamente, como ele chegou aonde está hoje.

Cervejarias artesanais e a verdadeira cerveja

Vince não usou o termo craft beer ou qualquer definição em 1984, em seu artigo “Craft Brewing Comes of Age”, para a revista New Brewer, e sim, os contidos no livro The Good Beer Guide. Ele escreveu: “eu uso o termo cervejaria artesanal para descrever uma cervejaria pequena que utiliza métodos e ingredientes tradicionais para produzir, de forma descompromissada e artesanal, uma cerveja vendida localmente. Eu me refiro a essa cerveja como a verdadeira cerveja”.

craft_interno2

O fundador da AOB (Association of Brewers), Charlie Papazian, definiu, na primavera de 1987, como cervejaria artesanal “qualquer cervejaria que use artes e habilidades manuais de um mestre cervejeiro para criar seus produtos”. Ele então listou várias categorias de cervejarias como Brewpub, Microbrewery, Small Brewery (produção de 15.000 até 100.000 barris), Large Brewery (até 1 milhão de barris) e Mega Brewery (acima de 1 milhão de barris).

Os termos Craft Beer e Craft Brewery foram enraizados no vocabulário da indústria cervejeira durante os 10 anos seguintes. Por exemplo, o que era conhecido até 1995 como National Microbrewers and Pubbrewers Conference and Trade Show, passou a se chamar Craft Beer Conference em 1996. Publicamente, a AOB listou as definições da indústria de cervejarias artesanais como: microbrewery, brewpub, contract brewing company, regional brewery  e regional craft brewery. A regional craft brewery é aquela cuja produção é de 50% (ou mais) de cervejas artesanais. Cervejas artesanais eram, geralmente, cervejas caseiras “puro malte”, produzidas 100% com cevada maltada. Comparadas a outras cervejas, sua ênfase é mais no sabor e menos no mercado em massa.

Recentemente temos visto, de forma tímida, o surgimento de outro termo, o quality beer, levando a um debate sobre qual termo representaria melhor a categoria. Uma coisa é fato, qualidade sempre foi algo relacionado à cerveja artesanal e, a possibilidade de uma nova nomenclatura, reforça ainda mais essa característica, mas… será que o nome pega? Por enquanto, um brinde às cervejas artesanais!

Compre online em http://www.cervejariavirtual.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s