O Estilo Vienna Lager

O estilo Vienna Lager deve o seu nome à capital da Áustria, Viena. É a lager âmbar original, desenvolvida por Anton Dreher, pouco depois do isolamento da levedura lager. Próxima da extinção em sua região de origem, o estilo continua no México, onde foi trazido por Santiago Graf e outros cervejeiros imigrantes australianos no final do século XIX. Lamentavelmente, a maior parte dos exemplos modernos utiliza adjuntos que atenuam as característivienacas da rica complexidade do malte dos melhores exemplos deste estilo. O estilo deve muito da sua característica ao método de produção do malte (malte Viena). Característica mais leve de malte e, ainda assim, decididamente equilibrada.

As versões americanas tendem a ser mais fortes, secas e amargas, enquanto que as versões europeias tendem a ser mais doces. Muitas Dark e Amber Lagers mexicanas costumam ser mais autênticas, mas, agora que são carregadas de adjuntos, infelizmente parecem mais como American Dark Lager doces.

O BJCP (Beer Judge Certification Program) define as diretrizes desse estilo como descrito abaixo.

Aroma: Aroma moderadamente rico de malte alemão (do malte Viena e/ou Munique). Um aroma leve de malte tostado pode estar presente. Similar, embora menos intenso do que o da Oktoberfest. Característica límpida de lager, sem ésteres frutados ou diacetil. Aroma de lúpulo tipo nobre pode ser de baixo a nenhum. Aroma de caramelo é inapropriado.

Aparência: Cor de âmbar avermelhado claro a cobre. Limpidez brilhante. Colarinho persistente, quase branco e alto.

Sabor: Apresenta uma complexidade de malte suave e elegante em primeiro plano, com um amargor de lúpulo suficientemente firme para fornecer um final equilibrado. Alguma característica de tostado do uso do malte Viena. Nenhum sabor de caramelo ou torrado. Final bastante seco, com amargor tanto do lúpulo quanto do malte presente no retrogosto. Sabor de lúpulo nobre pode ser de baixo a nenhum.

Sensação na Boca: Corpo de médio a médio-leve com uma leve cremosidade. Carbonatação moderada. Macia. Com final moderadamente bem definido (crisp). Pode ter um pouco de calor alcoólico.

Impressão Geral: Caracterizada por uma maltosidade elegante e suave que seca no final para evitar se tornar doce.

Ingredientes: O malte Viena fornece um perfil levemente tostado e complexo, rico em melanoidina. Assim como as Oktoberfests, apenas maltes de melhor qualidade, juntamente com lúpulos continentais (preferencialmente de variedades nobres) devem ser utilizados. Água moderadamente dura e rica em carbonatos. Pode conter maltes caramelo e/ou mais escuros para adicionar cor e dulçor, mas os maltes caramelo não devem adicionar aroma e sabor significantes e os maltes escuros não devem adicionar características de torrado.

Estatísticas:

OG: 1,046 – 1,052

IBUs: 18 – 30

FG: 1,010 – 1,014

SRM: 10 – 16 ABV: 4,5 – 5,5%

OG – Original Gravity: Densidade Original. Medida da densidade do mostoantes da fermentação, que varia com a quantidade de açúcares em solução.

IBU – International Bittering Units: Unidades Internacionais de Amargor. Escala referente ao amargor do lúpulo.

FG – Final Gravity: Densidade Final. Medida da densidade do mosto fermentado. A relação entra a OG e a FG ajuda a estimar o teor alcoólico da cerveja final.

SRM – Standard Reference Method: Método Padrão de Referência, relativo à cor da cerveja, sendo valores mais baixos para cores mais claras e valores mais altos para cores mais escuras.

ABV – Alcohol by Volume: Volume de álcool por volume total de líquido (álc./vol.). Expressa o teor alcoólico.

Experimente em http://www.cervejariavirtual.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s